Intermédio

Sabe, eu estou com um nó na garganta.

Sabe, tenho estado muito estressado ultimamente.

Sabe, eu tenho só 21 anos e sinto – ou parece – que já vivi um turbilhão de dias, emoções e problemas. Não sei dizer se isso é um problema da minha geração, se é da geração anterior, ou se o problema vem da diferença entre as duas. Sei que sou diferente dos meus pais, diferente dos meus líderes, diferente dos meus chefes e professores. Eu sou diferente. Mas a grande questão é quando percebo que sou diferente dos meus amigos, dos meus primos, colegas de trabalho e faculdade. Não consigo identificar o problema, ou a raiz dele. Às vezes só estou cansando e gostaria de sentar numa praia, ver as nuvens, ouvir o mar e ficar sozinho. Gostaria que não houvesse problemas. Pelo menos, não tantos assim.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *